A perda da radicalidade do movimento ambientalista brasileiro: uma contribuição à crítica do movimento

Código : 373

De R$ 19,80 Por R$ 9,90

Indisponível no Momento

Autor : Agripa Faria Alexandre

Editora : Edufsc

A obra questiona a caracterização do “movimento ambientalista brasileiro” como um movimento complexo e multissetorial e alerta sobre os riscos desta conceituação, lembrando que a simples busca, pelo poder estatal, não significou e não significa ainda inserção política efetiva. Afirma ainda que, com esta conceituação, o movimento passa a perder a sua espontaneidade, o seu ativismo político crítico e ganha força enquanto bandeira oportunista para empresários, publicitários e agências ambientais de governo.

ISBN:

8571141010

Ano de Publicação:

2000

Edição:

1

Formato:

0cm.

Nº Páginas:

116p.

Peso:

180g.